Presidente da Petrobras responde declaração de Alckmin sobre privatização

Parente afirmou aos jornalistas que o momento é de focar na reestruturação financeira da estatal.

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, respondeu na quarta-feira (07) a declaração do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, sobre a privatização da estatal. Para Parente, “não faz sentido falar em privatização agora”.

“Entendo que não é uma discussão que faça sentido neste momento da Petrobras”, afirmou Parente, no Rio de Janeiro.

Parente afirmou aos jornalistas que o momento é de focar na reestruturação financeira da estatal. Um debate sobre privatização prejudicaria esse processo, segundo ele.

“Do ponto de vista da Petrobras, qualquer discussão sobre privatização teria efeito pertubador nesse processo”, completou.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha