Plano deve ser aprovado este mês, acredita presidente da Oi

Segundo fontes, a votação, no entanto, deve ocorrer somente em fevereiro.

Disputada por operadoras chinesas, a Oi deve ter o seu plano de recuperação judicial aprovado em 19 de dezembro, data em que voltará a se reunir com credores.

No entanto, fontes ligadas aos detentores de títulos informaram ao “O Estado de São Paulo” que a votação deve ocorrer somente em fevereiro.

“Estamos agora com o plano na Justiça que precisa de modificações rápidas para que possa trazer apaziguamento e dinheiro novo para companhia. Vamos apresentar (um pré-acordo) ao doutor Fernando (juiz) no dia 12, para que no dia 19 a assembleia possa aprovar o plano”, disse Eurico Teles, que assumiu a presidência da Oi na segunda-feira (27).

Ao jornal, Teles disse que não está confiante em relação à entrada de novos investidores.

“Até apareceram algumas pessoas para conversar, mas ninguém trouxe ainda um plano efetivo para a companhia”, disse o executivo.

Leia também:

Gigantes operadoras chinesas têm interesse na Oi, diz Anatel

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha