Netflix divulga se vai aumentar mensalidade para assinantes de SP

Em nota, a Deezer também informou que, a princípio, os consumidores não pagarão a mais pelo serviço.

A Netflix informou nesta semana que não vai repassar os custos adicionais com a cobrança de ISS de serviço aos assinantes de São Paulo. A taxa de 2,9% foi aprovada pela Câmara dos Deputados sobre serviços de streaming, que também ‘atinge’ a Spotify.

Em nota, a Deezer também informou que, a princípio, os consumidores não pagarão a mais pelo serviço.

“A regularização do setor mostra o crescimento da categoria como um todo e a adaptação das leis tributárias a novas atividades econômicas surgidas na era da internet é natural. Ter nossa atividade regulamentada nos traz segurança jurídica. Inicialmente a Deezer vai absorver o valor do novo imposto, o que significa que o nosso usuário Premium+ continuará a ter uma experiência única de áudio pelo mesmo valor de seu plano”, disse a Deezer.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha