Michel Temer sinaliza apoio a pré-candidatura de Geraldo Alckmin

Temer disse que prefere Henrique Meirelles à frente da Fazenda

O presidente Michel Temer admitiu apoio a pré-candidatura à Presidência pelo PSDB de Geraldo Alckmin nas eleições de outubro deste ano. Em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo, Temer afirmou que vê na figura do governador a “segurança e serenidade” que o eleitor procura.

Na reportagem, Temer também comentou sobre a falta de apoio de Alckmin durante as duas denúncias do ex-procurador-geral Rodrigo Janot. “Ele teve seus motivos”, disse, sinalizando que não guarda rancor.

Quanto à Henrique Meirelles, que também deve se lançar como pré-candidato às eleições, Temer afirmou que prefere o ministro à frente da Fazenda.

Já sobre Rodrigo Maia, presidente da Câmara, Temer acredita que ele tende a buscar a reeleição com os congressistas. “O Rodrigo está se movimentando muito, mas ainda acho que a prioridade dele é se reeleger para a Presidência da Câmara, que é um cargo excepcional. De qualquer forma, ele não tem nada a perder, só a ganhar. E é aquela história, ‘se colar, colou’”, comentou o presidente.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha