Mercado Livre lança campanha contra aumento dos Correios

O reajuste está previsto para começar a partir do dia 3 de março.

Entre os principais marketplaces brasileiros, o Mercado Livre lançou uma campanha contra o aumento nas taxas de entrega anunciado pelos Correios. Segundo a empresa, a estatal pretende aumentar em até 51% e, por isso, iniciou a campanha #FreteAbusivoNão.

Ainda segundo o Mercado Livre, caso o reajuste entre em vigor, o preço médio do frete do Brasil seria 42% mais caro que a Argentina, 160% mais caro que o do México e 282% mais caro que a Colômbia.

O reajuste está previsto para começar a partir do dia 3 de março.

Cidades afastadas e áreas de risco

As cidades mais afastadas também sofrerão com as taxas anunciadas pelos Correios. Além disso, o Rio de Janeiro, considerado uma área de risco, terá uma taxa extra de R$ 3 por cada pacote.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha