Lush fecha as portas e diz que o Brasil é um mercado difícil

É a segunda vez que a Lush fecha as portas no Brasil.

A empresa britânica de cosméticos e conhecida por seus sabonetes, a Lush, anunciou na segunda-feira (14) o fechamento de suas lojas no Brasil. Em nota publicada no Facebook, a companhia informou que as operações continuarão até 20 de junho. Até lá, os produtos serão vendidos pela metade do preço.

“Adoramos atendê-los e gostaríamos de agradecer toda a paixão e entusiasmo de vocês sobre nossa marca ao longo desses anos”, afirmou a marca em sua página no Facebook.

“O Brasil é um mercado muito difícil para a operação de uma marca britânica. Apesar do crescente aumento de vendas, a alta carga tributária e a prolongada recessão econômica, somados a instabilidade política, tornou impossível à Lush continuar investindo e lucrar no país”, disse a companhia em comunicado.

É a segunda vez que a Lush fecha as portas no Brasil. A empresa chegou em 1999, mas anunciou sua saída oito anos depois. Retornou em 2014, com a promessa de abrir mais de 30 unidades, plano que não saiu do papel.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha