Kiko do KLB detona campanha da Omo que defende ‘brincadeira sem gênero’

Em post publicado em seu Instagram, o músico se mostrou indignado com a campanha da marca e disse que nenhuma empresa deveria se meter na criação dos filhos.

A polêmica está instaurada nas redes sociais! O cantor Kiko, do grupo KLB, detonou a Omo, após a marcar realizar uma campanha pedindo aos pais que fizessem um “recall de todas as brincadeiras que reforcem clichês sobre o gênero”.

Em post publicado em seu Instagram, o músico se mostrou indignado com a campanha da marca e disse que nenhuma empresa deveria se meter na criação dos filhos. Embora tenha sido excluído da conta oficial do artista, o conteúdo continua sendo compartilhado nas redes sociais.

Após a crítica do cantor, a Omo se pronunciou:

“Há mais de quinze anos OMO promove a importância do desenvolvimento infantil e do livre brincar para o crescimento das crianças e que o novo posicionamento da marca convida as pessoas a não deixarem a vida passar em branco. OMO quer reforçar, no Dia das Crianças, que toda a criança tem direito a se sujar e a brincar livremente como quiserem. Mais importante do que o brinquedo é a brincadeira, o aprendizado e os momentos positivos que resultam desta experiência.”

Veja a campanha da Omo:

Crítica do Kiko:

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha