Heineken retira propaganda do ar após acusação de racismo

O vídeo mostra a cerveja da marca passar por três pessoas negras até chegar às mãos de uma cliente cliente branca.

A fabricante de bebidas Heineken se viu em meio ao furacão após veicular uma propaganda considerada racista pelos internautas. O rapper americano Chance The Rapper foi um dos que se posicionou contra a campanha da empresa. Depois da repercussão, a companhia retirou o anúncio de sua cerveja light de circulação.

O vídeo mostra a cerveja da marca passar por três pessoas negras até chegar às mãos de uma cliente cliente branca. Ao final, lê-se o slogan: “Sometimes, lighter is better”. Em inglês, a palavra “light” pode ser traduzida em referência à leveza calórica do produto ou às cores claras.

A interpretação dúbia levou os usuários protestarem contra a marca. “Muito. Muito infeliz”, disse um usuário. “Eu acho que companhias estão lançando propagandas racistas de propósito para ganharem mais visualizações. Eu acho que eu não deveria ajudar postando isso, mas eu preciso falar. O anúncio “às vezes mais claro é melhor” é terrivelmente racista, meu Deus”, escreveu o rapper americano.

O porta-voz da Heineken, Bjorn Trowery, reconheceu que a empresa “errou o alvo” e retirou a campanha do ar.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha