Facebook suspende 200 aplicativos que tiveram acesso aos dados de usuários

O vice-presidente de parcerias de produtos do Facebook, Ime Archibong, disse que a investigação quer determinar se os aplicativos utilizam de maneira irregular os dados coletados.

O Facebook suspendeu até o momento cerca de 200 aplicativos que colheram grande quantidade de informações na rede social, em resposta ao escândalo da Cambridge Analytica.

O vice-presidente de parcerias de produtos do Facebook, Ime Archibong, disse que a investigação quer determinar se os aplicativos utilizam de maneira irregular os dados coletados.

A investigação oficial começou em 21 de março, anunciada pelo presidente Mark Zuckerberg, que vai analisar todos os aplicativos que tiveram acesso a grandes quantidades de dados antes de 2014.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha