JBS (Divulgação)

Empresa da JBS nega ter sido notificado sobre trabalho escravo

JBS Aves se manifestou oficialmente após ter sido incluída na lista suja do trabalho escravo, divulgado ontem pelo programa "Fantástico"

A JBS Aves, subsidiária do grupo JBS, manifestou-se oficialmente na manhã de hoje (segunda-feira, 23) a respeito de sua inclusão na última “lista suja do trabalho escravo”, divulgada na edição de ontem (domingo, 22) do programa “Fantástico”, da Rede Globo.

“A JBS Aves desconhece sua inclusão na lista de empregadores que tenham submetido trabalhadores à condições análogas à escravidão, não tendo sido notificada [pelo Ministério Público] até o presente momento”, informou a companhia, em nota oficial à imprensa.

O inclusão da JBS na lista se deu devido a um caso registrado na apanha de aves em Vidal Ramos (SC), onde nove funcionários foram encontrados em situações de trabalho consideradas análogas à escravidão.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha