Em comemoração à prisão de Lula, empresário distribui 9 mil cervejas

Maroni se fantasiou com um macacão listrado em preto-e-branco, em referência aos Irmãos Metralha.

O empresário Oscar Maroni, dono do Bahamas Hotel, distribuiu na noite da última sexta-feira (06) cerca de 9 mil cervejas para 3 mil convidados. Ele havia prometido, em 2016, a distribuição gratuita de bebidas caso o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fosse preso.

Segundo a revista Veja São Paulo, Maroni se fantasiou com um macacão listrado em preto-e-branco, em referência aos Irmãos Metralha. A festa começou no início da tarde de sexta, mas o empresário chegou apenas 19h30, ovacionado pelo público.

Embora o ex-presidente Lula tenha se entregado à Polícia Federal somente no sábado (07), Maroni manteve a ação na sexta. “Assim que Lula entrar na Polícia Federal de Curitiba e for preso, começarei a distribuir cerveja”, escreveu o empresário, em 2016.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha