Economia da América Latina deve crescer 2% em 2018, diz Cepal

Segundo braço econômico da ONU, região está ficando para trás em relação a outras partes do mundo no desenvolvimento de novas tecnologias

Após dois anos de contração e espera de 1,1% de crescimento médio para 2017, a América Latina deve crescer 2% em 2018, diz  Alicia Bárcena, secretária-executiva da Comissão Econômica das Nações Unidas para a América Latina e Caribe (Cepal).

Em entrevista à Reuters Latin American Investment Summit, a chefe da organização informou que o impulso na economia se deve em parte por conta da recuperação dos preços das commodities.

Contudo, alerta que a região permanece, em geral, altamente dependente das exportações de recursos naturais, o que a torna vulnerável a quedas no ciclo de commodities.

O baixo crescimento esperado para este ano é reflexo do desemprego de 9,4%, acima da previsão anterior e 0,5 ponto percentual a mais do que em de 2016.

Bárcena destacou ainda que setores como o de energia renovável podem atrair muitos capitais estrangeiros no Brasil, Peru, Chile e México. Mas a mineração de lítio poderia avançar na Bolívia ou na Argentina, juntamente com o turismo na América Central ou o setor industrial nas maiores economias da região.

Região fica para trás

Segundo braço econômico da Organização das Nações Unidas (ONU), a América Latina está ficando para trás em relação a outras partes do mundo no desenvolvimento de novas tecnologias.

“Os governos não têm senso de urgência no sentido de que a tecnologia é um trem que deixou a estação e esta região está muito atrasada”, diz Barcena.

“É necessário um salto para que você não acabe exportando matéria-prima, mas com valor agregado”, conclui.

 

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha