CVM abre processo contra JBS e Wesley Batista por compra de dólares

Seara e Eldorado também são investigadas por terem se beneficiados da compra do dólar.

A CVM (Comissão de Valores Mobiliários) informou na segunda-feira (11) que abriu um novo processo administrativo contra o empresário Wesley Batista e as empresas JBS, Seara e Eldorado por compra irregular de dólares no mercado futuro.

Segundo o comunicado, Wesley Batista ordenou “a compra de contratos derivativos de dólar com uso de práticas não equitativas” em nome da JBS, Seara e Eldorado. As empresas são investigadas por terem se beneficiado da compra do dólar.

A CVM já acumula 12 processos contra a JBS e acionistas.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha