Conselho da BRF autoriza pedido dos fundos de pensão

A proposta dos fundos prevê a destituição de todos os membros do conselho, aprovação de 10 membros para o colegiado e a eleição de novos presidente e vice-presidente do conselho.

O conselho de administração da BRF acatou o pedido dos fundos de pensão Petros e Previ, dos funcionários da Petrobras e Banco do Brasil, respectivamente, para convocar uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE) a fim de discutir sobre as mudanças no colegiado.

A proposta dos fundos prevê a destituição de todos os membros do conselho, aprovação de 10 membros para o colegiado e a eleição de novos presidente e vice-presidente do conselho.

Na semana passada, os fundos de pensão Petros e Previ assustaram a diretoria da BRF após pedirem a destituição dos membros do conselho de administração. O pedido veio depois dos resultados desastrosos que a companhia registrou no quarto trimestre.

O empresário Abilio Diniz, que preside o conselho, disse que faltou ‘diálogo’. Por outro lado, Diniz estaria pronto para deixar a presidência.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha