Camil pode comprar a marca de café Pilão e entrar no mercado de café

Para entrar no segmento, admitiu Luciano, terá de adquirir a primeira ou a segunda colocada do mercado de café.

O presidente da Camil, Luciano Quartiero, revelou à revista Isto é Dinheiro que a empresa planeja entrar no mercado de café em breve.  “Acredito que a companhia está pronta para isso hoje”, disse.

Para entrar no segmento, admite Luciano, terá de adquirir a primeira ou a segunda colocada do mercado de café. As principais do mercado hoje são Pilão e a Três Corações.

“Nós damos muito valor à marca. Não acredito em entrar no segmento do café para construir uma planta, para tentar fazer uma marca. Acredito que a companhia está pronta para isso [uma aquisição] hoje”, conclui Quartiero.

O mesmo movimento ocorreu quando a Camil entrou no segmento de açúcares. A companhia comprou a marca União, líder do mercado.

Leia também:

Camil é multada em R$ 270,12 milhões pela Receita Federal

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha