Brasil viveu um retrocesso econômico, diz S&P

A conclusão é da chefe do escritório da Standard & Poor’s (S&P), Regina Nunes, para o Brasil.

Nos últimos anos, o Brasil viveu um retrocesso econômico como consequência de escolhas políticas. A conclusão é da chefe do escritório da Standard & Poor’s (S&P), Regina Nunes, para o Brasil e América Latina. Com informações do jornal O Estado de São Paulo.

“Infelizmente houve todo um retrocesso do ponto de vista econômico, devido a várias políticas e decisões da própria sociedade. Nada é decidido só por um lado”, afirmou Regina.

“Mesmo que estivéssemos numa situação melhor do que a que estamos no País, sempre o que importa é como vamos nos comportar para frente”, frisou Regina Nunes.

Comentários

premium

Cadastrar

Para ler suas notificações, registre-se no Giro Business. Nós o manteremos informado sobre os tópicos que mais lhe interessam.

Login com Facebook Login com LinkedIn Cadastrar com e-mail
Já é cadastrado? Clique aqui

Login

Esqueci minha senha

Escreva seu email abaixo e você receberá um e-mail de recuperação da senha